Etiqueta: Papo Quimera

Papo Quimera | Como lidar com Shippers errados

Olá Quimeras,Como lidar com “Shippers” errados é algo totalmente difícil, já que você torceu todo momento da série ou do livro e acabou se apegando com aquele casal e espera que eles ficarem no final juntos, porém não é isso que aconteceu, pode até ter aquele momento, no qual o Ship é desenvolvido e tal, mas não decola.

Isso é chamado de Cult Ship ou Unconventional Couple, mas também conhecido como Fanon Ship ao contrário do Canon Ship que é quando o autor/produtor deixou claro que os personagens estão, irão ou poderão ficar juntos, eles são Canon.

Resultado de imagem para ship wrong
Retirado do Google

No entanto o produtor/ator coloca aquelas armadilhas impetuosas e dolorosas para você shippar errado se iludindo com aquele casal, o mais chato quando o casal aumenta a audição e os produtores/autores resolvem brincar com os sentimentos dos Fanoners

No momento estou tendo uma dessas crises de shippers errado e como sou uma Fanoner Master no assunto resolvi fazer um post como um poeta faz poesia no meio da dor, sentiu o drama? Então vamos começar.

A primeira coisa que é essencial a se fazer é aceitar que eles não vão ficar juntos…
Sei que é difícil aceitar que o casal que você torceu não vai ficar junto, apesar disto você continua amando aquele casal…


Procure Shippar Outros Casais 
Sabe aquele casal que é divertido juntos e que são secundários? Pois é! A grande maioria deles vão ficar juntos então não corre o risco grande de errar o ship, apesar disso tem suas ressalvas o que foi aconteceu comigo em Reign, no qual shippei o casal secundário que não ficou junto pelo menos na primeira temporada Greith (Greer e Leith) ou tipo Janna (Jeremy e Anna de The Vampires Diaries) apesar que esse ship acabou se tornando um Ghost Ship que é quando o casal morreu no decorrer da história.



Assista Outra Série ou Leia outro Livro

Resultado de imagem para read gif
Retirado do Google

Quando a temporada da série acabou ou o livro acabou de acabar, você fica pensando sobre o que aconteceu sobre a série e a injustiça que aconteceu com o seu shipp e como a/o protagonista do casal foi burro por não ter ficado com a pessoa que é certa, na sua opinião.
Assista outra série de preferência que não seja triângulo amoroso, porque provavelmente vai shippar errado de novo se for o caso.
Séries sem triângulos amorosos: In the Flash, My Mad Fat Diary, Lucifer, The Beauty and Beast e Sleepy Hollow.
Livros sem Triângulos Amorosos:  Padma (Kelly Hamiso), Crônicas de Táiran (Thais Lopes), Luxúria (J.Bizatto), Beleza Perdida (Amy Harnom) Antes: Contos de Will e Richard Livro 1 (Gaby Fraga) , O Sautor – Natalia Smirnova e Primeiras Impressões (LRDO).
Não esqueça de comentar qual foi o seu ship que não deu certo! E como você lidou com isso. 

Me acompanhe nas redes sociais

Papo Quimera | Entrevista com a Roberta del Carlo

Olá Quimeras,Na coluna Papo Quimera terá uma entrevista com a Roberta del Carlo, autora de Amor de Aluguel que é um livro maravilhoso que já tem resenha aqui no blog, se ainda não viu (Clique aqui).

Entrevista Com a Roberta Del Carlo

1-   
O livro foi inspirado na música “Garoto
de Aluguel” do Zé Ramalho, mas como foi o desenvolver da história?

R: Levei um certo tempo para não deixar um enredo solto, apesar do livro não ser longo eu não gostaria de passar uma história leviana, pois queria de alguma forma mostrar que dois mundos tão diferentes poderiam por algum tempo viver algo único. E foi o que tentei fazer mesclando um pouco da polêmica profissão do Miguel, a solidão dos dias atuais, dramas e mistérios que só uma vida a dois pode carregar.

2-   
Quais foram os momentos de maior dificuldade
em “Um amor de Aluguel”?

R:A maior dificuldade é “será que vão gostar?”
3-   
Quando você escreve tem alguma mania
diferente ou estranha?

R: Gosto de escrever no silêncio ou com músicas, depende do momento ou o que estou escrevendo, acho que somos um pouco escravos dos nossos personagens, e tem capítulos que são cruciais para desenvolver, mas acho que não tenho manias …

4-   
Teve alguma escritora que você se
inspirou ou que admira?

R: Eu admiro tantas escritoras, principalmente as nacionais
dessa nova geração que faz a minha lista ser imensa e intensa. Se eu começar a citar seus nomes, posso acabar esquecendo de
alguma.

5-   
Qual é o seu personagem favorito? Por
quê?


R: Miguel.
Por que é um personagem sobrevivente, que ao ser lançando à
própria sorte e da falta de amor, ele ainda carregava muito desse sentimento
dentro de si.

6-   
Qual é o seu maior sonho? Quais são os seus próximos lançamentos?
R: O meu maior sonho? É publicar um novo livro.
Esse ano tenho alguns lançamentos de antologias com o tema
Psicopatas da editora Illuminare e o meu conto chama-se “Vizinhos”. E um outro,
é com um grupo de escritoras adoráveis com a Antologia Contos de Natal e o meu
conto  chama-se “O amigo secreto”. Por
enquanto, é isso.
Lembrando, que ainda tenho exemplares do Um amor de Aluguel
pois esse não está mais na Amazon e está sem editora.
7-   
O que você queria transmitir para
seus leitores enquanto escrevia o livro?


R: Todo romance que escrevo, queria transportar o leitor para um outro mundo, mesmo com situações meramente reais ou totalmente fictícia e quando escrevi Um Amor de Aluguel a intenção era essa também, eu gosto dos finais felizes mas é durante a caminhada que tem que instigar e emocionar os leitores.
8-   
Teve algum receio ao abordar um tema polêmico
como a prostituição?


R: Com toda certeza ainda mais como um livro de estreia, pois mesmo ter contos espalhados e já ter escrito diversos romances em blogs ou no Wattpad mas é quando o livro é comercializado então tudo muda de figura.
Por isso, tentei balancear o livro e não focar no famoso glamour que é transmitido através da mídia quando fala em prostituição, ainda mais a masculina.
9-   
Existe alguma coisa parte de você na história
ou nos personagens?


R: É difícil eu colocar algo que já tenha vivido nos livros que
escrevo, mas falo sempre que são os meus filhos. E todo escritor tem que ser um
pouco observador então pode ser que eu já tenho colocado algo de alguém em
algum personagem.

10- 
Recomende o seu livro para os
leitores do Bela Quimera.

R: Convido todos os leitores do blog Bela Quimera para conhecer um pouco mais o livro Um amor de Aluguel e também um pouco mais os meus textos e romance que estou sempre escrevendo, e postando as novidades nas páginas sociais, então estejam todos convidados a curtir e comentar.
E agradeço o convite e o espaço para falar um pouco sobre o meu livro e de novos projetos e desejo Sorte e Sucesso para o blog Bela Quimera.  Obrigada por tudo e sempre Ingrid. Beijos!



Amei entrevistar a Roberta Del Carlo e espero que vocês tenham gostado tanto como eu! Não esqueça de visitar as redes sociais da autora e conhecer o trabalho dela. 

Até a próxima!!



Resenha | Saga Hush Hush Crescendo (#2 Crescendo) – Becca Fitzpatrick

Ficha Técnica 

Título: Crescendo |Autora: Becca Fitzpatrick | Editora: Intrínseca | Páginas: | Compre aqui: Saraiva, Submarino. e Amazon | E- Book: Amazon e Saraiva |

Classificação:| |
 Sinopse

 A vida de Nora Grey ainda está longe de ser perfeita. Sofrer uma tentativa de assassinato não foi a melhor das experiências, mas, pelo menos, Nora ganhou um anjo da guarda: Patch, que de angelical não tem absolutamente nada, e, o pior: parece muito interessado na grande inimiga de Nora, Marcie Millar. Becca Se não fosse pelo interesse de Patch em Marcie, Nora jamais teria notado Scott Parnell, velho amigo da família que acaba de voltar para a cidade. Ainda que Scott a deixe furiosa na maior parte do tempo, é impossível não se sentir atraída. Lá no fundo, porém, ela tem certeza de que ele guarda um segredo. Atormentada por repetidas visões do pai, inexplicavelmente assassinado anos antes, Nora começa se perguntar se haveria alguma conexão entre a morte dele e o fato de pertencerem a uma linhagem de nefilins. Ela quer descobrir o que realmente aconteceu, mas isso é muito arriscado. Algumas verdades ficam melhor mortas e enterradas – do contrário, podem destruir tudo em que você acredita.

Resenha
Depois que Nora quase foi assassinada o que fez Patch salvar ela e com consequência desse ato se tornando o seu anjo da guarda.Nora e Patch estão namorando, é claro que o jeito Irresistível não mudou.
“-Vou pegar um cheeseburguer—Disse a Patch— Quer alguma coisa?
-Quero mais não está no menu”
  Não fazia muito tempo que Patch tinha recuperado suas asas tornando um anjo da guarda e entrando por lados dos bonzinhos, ele foi o único anjo caído que recuperou suas asas, porém ele ainda andava com os caídos e um deles era o seu melhor amigo Rixon que fazia ele ter uma ligação com os anjos caídos. Nora sentia que ele somente havia se tornado anjo da guarda por sua causa e que aquilo não era de sua vontade, pois ele queria ser humano para poder ter sensações mundanas algo que anjos não tinha apenas os humanos e os Nefilins – Filhos de anjos caídos com humanos– por esse grande motivo os anjos caídos possuíam os corpos deles.
    
Nora sentia que Patch estava distante no que resultou na insegurança com o sentimentos do anjo então pediu para que ele demostrasse seus sentimentos que Patch não fez que ela esperava. Teve que participar de aulas de química no verão com a companhia de sua inimiga Marcie que aumentou ainda mais sua insegurança quando sua inimiga contou que viu o Patch vigiando sua janela, então ela foi tirar satisfação com o Patch se era verdade e ele confirmou porém não contou o motivo que fez eles se brigarem e por fim terminar acabar com o relacionamento deles.
     
Para acabar de vez com a sanidade de Nora sua adorável mãe tinha marcado um jantar para reencontrar seus velhos conhecidos sua vizinha e o filho Scott Parnell. Junto com o Scott Parnell ela se envolveu em várias encrencas fazendo que o seu “Anjo da Guarda”- Eu queia um anjo da guarda desse- acaba intrometendo na vida dela .Com o saco cheio de Patch ela dispensa os serviços do seu Anjo da Guarda fazendo ele tornar anjo de Marcie Millar que fica mordida de ciúmes quando ver o Patch aproximando de Marcie que começou aprontar muito – Vocês conhecem uma mulher como ciúmes, então desse jeito-. 
Nesse segundo livro tem várias descobertas e reviravoltas que me fez não querer largar o livro, a autora sempre coloca um suspense que faz nos desviar um pouco do romance entre Nora e Patch.
Os personagens são divertido inclusive a mãe de Scott, mas o enredo bastante engraçado com os ataques de ciúmes do casal Nora e Patch porém ela ficou um pouco chata em alguns momentos.