Bela Quimera: Resenha | Kitty - Elle S.

Resenha | Kitty - Elle S.

28 de junho de 2017



Olá Quimeras, Sou a Hemylly Ludymyla, a nova resenhista e também possuo um blog sobre livros, psicologia e vários outros assuntos, o blog se chama Miss Psy, me convidou para resenhar os livros que leio.

Kitty é o primeiro livro da Editora Arwen aqui no blog, e espero que vocês gostem das minhas resenhas e indicações. 


Kitty
Autora: Elle S.
Gênero: Fantasia Contemporânea e Ficção
Páginas: 295
Editora: Arwen
E-book: Amazon
Nota: ❤❤❤❤❤  


E-Book | Físico |

Sinopse
Kitty é uma gata sarcástica e cheia de mistérios que aprendeu a viver nas ruas há mais de quatrocentos anos. Independente e esperta, ela foge de qualquer contato humano, já que deixar-se ser adotada é o seu pior pesadelo. O grande medo dessa felina é que alguém desperte dentro dela o seu maior segredo. Vivendo nos becos da cidade de São Paulo, Kitty conquista o coração de Eduardo e, contra sua vontade, vira um animal de estimação. Tudo o que essa gata não queria que acontecesse. Entre as diversas tentativas de fuga, ela se vê cercada de afeto e carinho pelo seu novo dono e começa a ser cativada. Então, é Eduardo, seu dono ruivo e charmoso, que desperta o que Kitty tem de pior. Quando ele deseja que sua amada amiga de estimação seja mais do que ela realmente é, a gata precisa correr contra seu próprio instinto. Ser quem ela foi condenada a ser, ou viver como quem ela verdadeiramente é? Dividida entre duas espécies, Kitty precisa decidir o destino de sua vida para viver um grande romance.



Resenha

Kitty reuni tudo que eu gosto em um livro, romance, fantasia e uma dose de mistério. Kitty é uma gata de rua com a pelagem de cor e olhos marcantes, como todo felino Kitty é independente, arrogante e cheia de si mas ela também possui um outro lado que é sensível, sarcástica, mal humorada, teimosa e às vezes indecisa. Ela está acostumada a se virar sozinha, mora em um beco escondido e consegue comida em um restaurante local mas se engana quem acha que a cidade de São Paulo não tem os seus perigos para uma gata de rua Kitty não é uma gata comum, ela tem 400 anos e ao longo dos anos ela aprendeu truques e como viu a cidade de São Paulo se transforma no que era hoje.


Eduardo é dono de um restaurante, ilustrador, desenhista,uma pessoa muito boa mas com baixa autoestima e de quebra ainda coleciona uma ex namorada abusiva e megera. Em uma discussão com sua ex, bebe todas e acaba no beco que Kitty mora, vê e acha que é um gato macho resolve adotar o gato de rua, mas para Kitty foi uma ofensa e não ficou nada feliz de ser levada visto que rua é como sua casa e está convivência com Eduardo pode ameaçar o segredo que Kitty esconde.

A premissa e prefácio do livro chama bastante atenção visto que tem uma ideia original sem falar que é um prato cheio para os amantes dos animais.
A capa de Kitty ficou linda tanto na versão de capa dura como na versão de capa comum e mais importante ela representa a história, a diagramação também estava boa, a autora só se enrolou com a estrutura do livro. 

O livro é escrito na primeira pessoa, o que fez aumentar o mistério sobre o segredo que Kitty esconde. A escrita da autora é perfeita, tornando assim a leitura fluida e com personagens bem construídos que faz você se apegar a eles ou simplesmente odiar outros. Confesso que algumas características dos personagens me incomodou um pouco como a baixa autoestima de Eduardo e a teimosia exagerada de Kitty insistindo na mesma coisa várias e várias vezes.

O início começou muito bem, instigando o leitor, com personagens bem elaborados e marcantes, só que com o desenrolar da história foram acrescentado algumas cenas que poderiam se enxugadas sem prejudicar o enredo pois foi dado muita ênfase em algumas cenas e os capítulos finais mereciam uma dedicação maior não houve teve o que acabou deixando a desejar, dando a sensação de vazio e vários questionamentos sobre o passado e sobre os personagens e que deveria ter trabalhado melhor os esses detalhes e reviravoltas. Apesar desses pontos conseguiu, fazer com que eu aproveitasse e gostasse e apreciasse a leitura.


O romance é bem trabalhado e esteve em sua maioria no foco da história mas como amante de uma boa ficção gostaria que esse foco tivesse sido dividido pois o lado da fantasia da história poderia ser explorado através do passado de Kitty, referências e o que fez de Kitty se quem ela era ou até mesmo explorado a decisão sobre a vida de Kitty no final, não deixando pontas soltas.

 Acompanhe-nos nas redes sociais
Follow That Unicorn

11 comentários:

  1. Ola
    Faz um tempo que eu li esse livro e gostei muito do desenvolvimento, a premissa se mostra bem instigante e também achei o romance bem trabalhado. Concordo que algumas cenas poderiam ser mais exploradas, enquanto outras eu diria que poderiam ser mais objetivas. Sua resenha descreve bem as minhas próprias impressões. Acho essa capa muito linda!
    beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda não li esse livro mas morro de vontade. Acho a premissa dele super diferente e interessante. Adorei ler a sua resenha e poder conhecer um pouco mais sobre o livro, eu tenho quase certeza que vou gostar da história quando eu for ler.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Ludy!
    Essa capa é maravilhosa! Até achei que fosse de um suspense, mas pelo que vejo foca demais no romance. Não gosto quando um livro trás uma capa de um jeito e quando vemos a história não segue o que a capa diz. É ambíguo demais! Não sei se eu leria o livro, mas ainda assim, obrigada pela dica!
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá, que livro é esse gente! Não conhecia achei interessantíssimo a história quero muito ler, reúne tudo que gosto fantasia, romance, e gatos, sou apaixonada por gatos tenho uma linda aqui em casa, adorei sua dica, beijos!

    ResponderExcluir
  5. Que seja a primeira de várias resenhas suas no blog! parabéns!
    Não conhecia a obra, mas a premissa é bem interessante. Não curto muito fantasia, mas essa em especifico me deixou bem curiosa.
    Uma pena não ter explorado mais alguns aspectos fantasiosos da trama. Isso sempre deixa a gente com gostinho de quero mais. Um sentimento de falta... é um saco isso. rs
    beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    O enredo parece ser interessante, mas vc não saberia dizer se essas tais pontas soltas não seria a vinda de um segundo volume?
    Gostei muito da resenha e vou visitar seu blog. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oii, tudo bem?
    Já tinha ouvido alguns comentários sobre esse livro, mas nem imaginava que a história era assim. Gostei da ideia da autora, mas o fato de alguns pontos não terem sido tão bem trabalhados me incomoda, além das pontas soltas.
    Adoraria ler essa obra, mas no momento não despertou meu interesse por conta dessas falhas.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Seu post me surpreendeu, esse livro não era nada do que eu esperava. Achei bem interessante essa personagem principal, que é uma gata, e acho que os mistérios dela iriam me intrigar bastante.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  9. Que super diferente, me pareceu bem interessante e instigante, fiquei curiosa.
    Ando descobrindo muitos livros diferentes das leituras que costumo fazer, isso é bem legal.
    Beeeeijo

    ResponderExcluir
  10. Olá
    Eu sempre tive muita vontade de ler essa obra desde que ela foi lançada kk. Parece ser umuito livro bem divertido e tal. Meu colega de blog já leu e o resenhou, mas a obra que ele tem é apenas em ebook. Adorei a sua resenha que só serviu para me deixar mais curioso. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Estou apaixonada por essa capa! Sua resenha está ótima e me deixou bastante curiosa para conferir essa história. Parece ser bem interessante, fiquei intrigada com os mistérios que a Kitty esconde e ansiosa para desvendá-los. Espero ler essa história em breve, bjss!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.
ga('set', 'userId', {{USER_ID}}); // Defina o ID de usuário usando o user_id conectado.